Palco da final da Copa do Mundo, estádio Lusail será inaugurado em 9 de setembro

O Estádio Nacional de Lusail, palco da final da Copa do Mundo do Catar, tem, enfim, data para ser inaugurado. O maior estádio do país recebe uma partida oficial pela primeira vez no dia 9 de setembro, quando os campeões da Liga da Arábia Saudita e do Egito se enfrentam em evento para 80 mil espectadores. Os detalhes dos ingressos para o evento serão anunciados em breve, bem como a atração principal do show que haverá depois da partida. Será o último estádio do Mundial a ser aberto ao público. “Mostrar o Lusail Stadium será o marco final em nossa jornada antes do grande pontapé inicial, em 21 de novembro”, afirmou secretário-geral do Comitê Supremo para Entrega e Legado, Hassan Al Thawadi. “No que diz respeito aos preparativos para a Copa do Mundo, esta é a peça final do quebra-cabeça”, disse Nasser Al Khater, CEO da Copa do Mundo, prometendo aos fãs uma “experiência memorável e acolhedora quando chegarem ao Catar” para a primeira Copa do Mundo no Oriente Médio e no mundo árabe.

Situado em Lusail, a 15km ao norte do centro de Doha, capital do Catar, será sede de partidas durante todas as etapas da Copa do Mundo, a começar com Argentina x Arábia Saudita, duelo do Grupo C marcado para o dia 22 de novembro. A seleção brasileira jogará duas vezes no estádio na fase inicial do torneio. O primeiro será dia 24 de novembro, diante da Sérvia, e o segundo contra Camarões, no dia 2 de dezembro. O time de Tite pode atuar ainda outras duas vezes no local. Caso avance com a primeira colocação do Grupo, voltará ao Lusail na semifinal e na final, totalizando quatro partidas na arena. A grande decisão do Mundial do Catar está agendada para 18 de dezembro, um domingo, às 12h (horário de Brasília). O Estádio Lusail tem capacidade para 80 mil pessoas e teve sua construção iniciada em 2017. Foi concluído em novembro de 2021, sendo a última arena do Mundial a ficar pronta.

Lusail é uma cidade em construção. Ela nasceu do zero há mais de uma década e, em meio ao deserto catari, promete se tornar lar de cerca de 200 mil pessoas, alocadas em 38 quilômetros quadrados de área. O investimento, incluindo o valor gasto no estádio, está na casa dos R$ 170 bilhões. O custo da construção da arena, isoladamente, é de aproximadamente R$ 3,5 bilhões. Erguido por construtoras do Catar e da China, o Estádio de Lusail é parte central das denúncias da situação precária dos trabalhados da construção civil no país. Em 2021, uma publicação do jornal inglês The Guardian apontou que 6,5 mil trabalhadores estrangeiros morreram em obras relacionadas ao Mundial. A Anistia Internacional reitera seguidas denúncias, e a Fifa diz estar conversando com o Catar sobre o tema. Não é de hoje que esse trato vem acontecendo.

 

fonte Jovem Pan

Veja Também

Prefeitura inaugura terminal descentralizado no Jardim das Oliveiras

A Prefeitura de Rio Preto, por meio das Secretarias de Obras e de Trânsito, Transportes …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.