Banco Mundial aponta que Brasil teve melhor gestão da pobreza durante a pandemia na América Latina

Dados de um relatório divulgado pelo Banco Mundial apontam que a maioria dos países da América Latina e Caribe tiveram retrocesso de uma década no combate à pobreza durante o período da pandemia da Covid-19. Sem o Brasil, o índice de pessoas da América Latina com menos de US$ 6,85 por dia em 2019 era de 29,7%, subindo para 34,4% em 2020, indo para 31,4% em 2021 e permanecendo em 31% em 2022. No entanto, quando o Brasil é inserido nos cálculos, os percentuais ficam menores. Em 2019, o índice ficaria em 28,4%; em 2020, 28,6%; 2021, 31%; e em 2022, 28,8%. A principal diferença foi registrada no primeiro ano de pandemia, com distância de 5,8% ao acrescentar o Brasil no cálculo. Segundo o relatório do Banco Mundial, isso ocorreu porque o Brasil conseguiu ter uma facilidade em evitar que pessoas chegassem à linha da pobreza, além de conseguir retirar pessoas dessa situação.

fonte Jovem Pan

Veja Também

Ano XXIV I Março 2024

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco!