Produção Industrial Brasileira Registra Queda em Julho de 2023

Segundo dados divulgados nesta terça-feira, 5 de setembro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a produção industrial nacional apresentou uma diminuição de 0,6% em julho de 2023 em comparação com o mês anterior, junho. Além disso, em relação a julho de 2022, a queda na produção foi de 1,1%. No acumulado do ano, a indústria registrou uma taxa negativa de 0,4%, com uma variação nula (0,0%) nos últimos 12 meses.

O levantamento do IBGE revela que três das quatro grandes categorias econômicas e 15 dos 25 ramos pesquisados demonstraram recuo na produção. Entre as atividades, os principais impactos negativos foram observados nos setores de veículos automotores, reboques e carrocerias (-6,5%), indústrias extrativas (-1,4%), equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (-12,1%), e máquinas e equipamentos (-5,0%). Além disso, contribuições negativas relevantes também foram registradas em segmentos como confecção de artigos do vestuário e acessórios (-8,0%), produtos de metal (-4,8%), e produtos de borracha e material plástico (-3,8%).

Por outro lado, entre as nove atividades que apresentaram aumento na produção, destacam-se os setores de produtos farmoquímicos e farmacêuticos (8,2%), produtos alimentícios (0,9%), e coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (0,7%), que exerceram os principais impactos positivos em julho de 2023.

É importante ressaltar que esse é o segundo mês consecutivo de queda na produção industrial, sinalizando desafios enfrentados pelo setor manufatureiro brasileiro.

Veja Também

A Importância da Família nas Escolas: Uma Parceria Fundamental para o Sucesso Educacional

        A relação entre família e escola desempenha um papel crucial no …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco!